quarta-feira, 13 de abril de 2011

Perturbação...


Quando estou, quando estou apaixonado
Tão fora de mim eu vivo
Que nem sei se estou vivo ou morto
Quando estou apaixonado.

Não pode a fera comigo
Quando estou, quando estou apaixonado,
Mas me derrota a formiga
Se é que estou apaixonado

Estarei quem, e entende, apaixonado
Neste arco de danação?
Ou é a morta paixão
Que me deixa, que me deixa neste estado?


Carlos Drummond de Andrade

1 comentário:

Malu disse...

A paixão tem o poder de mover um MUNDO inteiro dentro de nós...
Abraços